“Éramos 25 pessoas. Brincamos no lago, tomamos banho de cachoeira juntos, nos ajudamos, falamos besteira na beira da fogueira, cantamos… Tivemos duas rodas que chamamos de CNV (Comunicação Não Violenta), em que todos nós: os jovens há mais tempo e os jovens há menos tempo (pérola da querida Ana Alcântara) compartilhamos nossas dores pela conexão […]